Tag: ‘amigos’

11 . junho . 2016

[ Leia esse post ao som de Eu Sei – Papas da Língua]

6 anos atrás …

Eu vi o mar pela primeira vez. Sabe quando você não consegue parar de se maravilhar com tamanha perfeição? Foi dessa forma que me senti. Minha família e eu tínhamos viajado para Santa Catarina, visitamos dunas, praias, lagoas e comemos um churrasco maravilhoso, mas meu coração ainda precisava de algo. Eu só não tinha percebido o que era.

Quando o início do ano letivo começou, tive várias surpresas. A primeira foi me deparar com uma amizade simples e encantadora. Ele era um típico garoto nerd, estava dois anos na minha frente e tinha um sorriso lindo. Certa vez, depois de descobrir que fazíamos curso no mesmo lugar, combinamos de tomar um lanche depois da aula.

Bom, o plano inicial era esse. Eu juro!

– Eu não sabia que você gostava de computação. – eu disse.

– Acho legal, montar, entender como funciona todo o sistema interno. Sabe, essas coisas. – ele disse.

As conversas pareciam eternas, noites a dentro estávamos conectados, até mesmo um consolando o outro sobre amor, quando na verdade, secretamente eu já estava me apaixonando. Eu me corroía de ciúmes, enlouquecia com meus sentimentos confusos, mas eu não poderia dizer nada, éramos apenas amigos. Sim!

Na quinta-feira á tarde, depois de uma confusão na lanchonete, tivemos que voltar para casa a pé, e no meio de tantos assuntos, cada pequeno segredo e detalhe, me mostrava nossa proximidade. Eu tinha engolido três moedas, ele uma chave. Eu ria tanto de suas piadas sem cabimento, olhava disfarçada para gravar um pedaço dele na memória e essas coisas só deixavam meu coração mais abalado. Eu precisava frear a situação, mas eu não conseguia.

No sábado de manhã, eu estava arrumando a casa e me preparando psicologicamente para um show que teria ao tardar do dia. Eu viajava na voz do Léo Henkin, Papas da Língua, enquanto ele declarava seu amor para uma mulher, fechei meus olhos e imaginei que um dia também queria entregar meu coração dessa maneira.

Durante o dia, conversei algumas vezes com ele e o convenci de acompanhar minhas amigas e eu no concerto. E então meu coração batia dez vezes mais por que eu sabia que ele iria. E na minha mente, eu só imaginava o que vestiria, o que poderia falar, as conversas tolas usadas apenas para puxar conversa fiada. Mas eu não fazia ideia do que me esperava.

Fomos oito amigos, cinco garotas e três rapazes, cada um em sua total euforia, nossa juventude e liberdade sem freios. Mas como nem tudo são rosas na vida.

No caminho, uma amiga fez uma brincadeira sobre ele ser o par perfeito para uma outra colega. Dá pra acreditar? Chegando lá, nosso grupo se dividiu entre garotas e garotos, então durante todos os momentos eu fiquei me perguntando se ele teria conhecido alguém, se tinha beijado alguém, ou pior, não estivesse sentindo a mesma coisa que eu estava.

Já no final, quando eu estava esperando minha música preferida tocar, nosso grupo se reuniu e logo, nós dois também. Eu o olhei, bebi sua imagem e desejei que a noite pudesse terminar diferente. E na minha pequena prece naquele momento, algo aconteceu. No emaranhado de empurrões e sentimentos, eu cai em seus braços e sua boca cobriu a minha.

Meu coração estava acelerado, minhas mãos tremiam e minha mente não consegui acreditar que eu estava mesmo compartilhando sentimentos tão intensos pelo melhor amigo.

E desde aquele momento até hoje – esperamos que por toda a eternidade – nossos corações se fundiram, selando nossa história juntos e deixamos que o destino acontecesse de sua maneira. Hoje, meu coração é ligado ao dele e em breve, minha alma também será, por toda a eternidade.

É com amor, com carinho, eu amo você.

Gabs.

tumblr_mn2546ocFh1rxdcf0o1_500

O Colorindo Vidas deseja um Feliz Dia dos Namorados.

Faça uma declaração para seu amor aqui nos comentários.

Quer mandar seu texto de amor? Envie para meutexto@colorindovidas.com (:

Até :*