Tag: ‘beleza’

20 . julho . 2017

O Colorindo Vidas Indica de hoje não é musical, mas é de outra coisa que amamos: Fotografia. Você já ouviu falar em Retratoterapia? É um ensaio fotográfico, que até o primeiro momento, parece como outro qualquer. O objetivo das fotos tiradas é dar confiança e empoderamento a mulher ou homem que está na frente das câmeras. Os ensaios são feitos da forma que a modelo achar melhor, mas sempre com pouca maquiagem (ou até nenhuma) e da forma mais natural possível, sem o glamour como é feito em books comuns.

Esse tipo de ensaio ainda é algo novo no ramo, inclusive, novidade até para fotógrafa Camila França, que faz trabalhos de Retratroterapia há cinco anos, mas só descobriu isso há algum tempo. “Não é uma técnica, é uma forma diferente de lidar com a mulher. De fotógrafa, você passa a ser amiga e psicóloga, de tudo um pouco”, explica ela ao dizer que o trabalho deve ser feito com amor.

As fotos são feitas de uma forma sincera, querendo mostrar realmente quem é aquela pessoa por trás da lente na vida real. O trabalho, além de técnica e luz, inclui, ação e reação. A fotógrafa questiona os clientes para faze-los pensar e assim, captar a foto com os sentimentos mostrados na resposta, a reação. É comum que nos ensaios, por conta dessas perguntas, a modelo chore e se abra com o profissional contratado. Por isso, Camila diz que acaba fazendo muitas amizades.

 

Para muitos, o Retatroterapia é sim uma terapia e por isso fazem todo mês. Camila explica que todos podem fazer esse tipo de ensaio e não precisa ser sensual ou de qualquer outro tipo, é necessário que seja apenas verdadeiro e algo para você e não para os outros.

Acessem as redes sociais da Camila França para continuarem acompanhando esse tipo de trabalho. E se você sentiu interesse de fazer um ensaio desse tipo, entre em contato com a fotógrafa por inbox, pois ela estará em Uberlândia apenas até o dia 27 de julho.

Instagram e Facebook da fotógrafa Camilla França.

24 . junho . 2017

Após quatro fins de semana seguidos indo em festa junina e usando bastante xadrez, dei uma folga para as roupas caipiras e voltei para o que eu amo, saias e blazers. Sempre fui apaixonada por essas produções sociais e bem femininas, em que você pode sair e ao mesmo tempo ir em uma reunião de trabalho. Além de lindo, o look fica super confortável e quentinho, já estou pronta pra trabalhar nesse frio.

Primeiramente, (fora temer) precisamos falar sobre essa paleta de cores digna de LookBook. Sempre gostei da sobreposições de cores nas produções, mas confesso que nunca faço muito por aquele medinho de estar demais e acabo ficando apenas com peças do mesmo tom ou que a combinação seja certeira, como um pretinho básico e uma cor de destaque (vocês sabem que adoro isso, né?!)

A escolha de peças foi um bom acaso de um momento em que eu não sabia o que iria vestir e simplesmente fui pegando algumas coisas que eu gostava, como a blusa de renda branca (que, inclusive, foi um verdadeiro achado) e a saia. Essa blusa é um tanto quanto grande e melhor pra usar com calça, por isso resolvi jogar um blazer por cima e dar uma amenizada e não é que deu certo?! E ficou ainda melhor do que apenas as duas peças, deu mais estilo ao look e por isso resolvi trazer ele pra vocês.

Como coloquei tons alaranjados no look, optei por acessórios dourados da Formatto Semi Jóias, mas itens bem delicados para não arriscar que eles chamem mais atenção do que as peças escolhidas. Sem falar no cuidado que precisamos ter ao usar tecidos com texturas diferentes… Eles podem até combinar no resultado final, mas se os acessórios tiverem muitos detalhes pode acabar com toda a sua produção.

Aproveita agora e deixa nos comentários o que você você achou da minha sobreposição de cores. Espero que eu possa ter inspirado hoje, nem que seja um pouquinho.

  1. Acessórios – Formatto Semi Jóias
  2. Blazer laranja – Murau
  3. Blusa de renda – Riachuelo
  4. Saia com babados na barra – Raizz
  5. Sapatilha dourada – Via Vitória

22 . Abril . 2017

Estamos de volta com o nosso tão querido Look Nosso de Cada Dia. Para a primeira produção escolhida no ano, eu resolvi juntas as minhas peças favoritas do momento. Por conta do trabalho e de alguns eventos que preciso ir, estou com uma vibe mais clássica, mas mesmo assim tendo ousar em algumas escolhas.

O melhor do look de hoje é que não há destaque, eu adoro tudo nessa produção e acho que não poderia ser mais eu. Tem o brilho, uma cor em destaque, acessórios delicados, uma camisa não tão social e a minha tão amada bolsa baú, que está vindo com tudo para o inverno.

Como eu já falei aqui no blog, querendo ou não, o brilho continua em alta nessa temporada. Isso só me faz amar mais essa saia, que além de tudo é mid, mas como sou baixinha, acaba virando longa. Saias com esse corte dão uma feminilidade ainda maior ao look, até me sinto a própria Sarah Jessica Parker, confesso! Quando comprei a peça, pensei que quase não usuaria, mas com a produção certa, dá para usar ela até de dia, como eu fiz.

Podemos parar um momento para apreciar os acessórios escolhidos?? Eu preciso.

Estou completamente apaixonada na combinação de tons de dourado no look, tudo caiu tão bem, principalmente pela escolha de acessórios pequenos, contrariando a bolsa, que é grande e com partes marrons. Acho que o principal truque nessa produção foi isso, a mistura de estilos. Adoro como essa camisa branca parece ser algo clássico e simples e quando vê olha atrás, percebe que há um patch escrito Drama Queen”.

A junção de diferentes estilos acaba deixando o look perfeito para diversas ocasiões, como um almoço ou um jantar, ouso dizer que até para o trabalho. Mas, se você pretende usá-lo a noite, seria ainda melhor se fizesse mudanças como um coque no cabelo e um sapato mais pesado.

Quando pensei nesse look, não o imaginei com esse sapato. Mas, como eu sempre gosto de jogar uma cor em destaque na produção, resolvi colocá-lo. No começo pode parecer muita informação, mas, além de haver muitos detalhes em dourado, esse tom é claro como o branco, o vermelho dá mais vida, eu achei perfeito.

Por hoje é isso pessoal, espero que as minhas escolham possam ter inspirado vocês a criarem produções incríveis. E se tiver, já tira uma fotinha e me marca no Instagram, estou louca para ver o resultado das suas ideias. Não deixa também de comentar aqui o que você achou e se tiver alguma peça especifícica que você quer ver no Look Nosso de Cada Dia é só falar pra gente. 😉

1. Acessórios *brinco, colar, pulseira* – Formatto Semi Jóias

2. Camisa Drama Queen – C&A

3. Saia longa dourada – Renner

4. Bolsa baú – Petite Jolie

5. Sapato vermelho de asas *Incense II* – Melissa

19 . Abril . 2017

Quando pensamos em moda, o que nos vem à cabeça? Glamour, desfiles, grifes, beleza… Outros acham que moda é futilidade, besteira. Mas o que é moda?

Moda vem do latim Modus e significa modo, maneira, comportamento. Portanto, podemos dizer que moda é um fenômeno que define o que um grupo de pessoas está preferindo em determinado momento, podendo estar presente em diversas áreas (ciências, artes, literatura, etc).

Moda é tendência de consumo da atualidade. Ela acompanha o vestuário e o tempo, num contexto político, social e sociológico. Por exemplo: você sabia que na 2ª Guerra Mundial, o governo londrino impôs, além do racionamento de alimentos, o racionamento de vestuário, devido à escassez de bens essenciais. As saias longas e volumosas, ficaram mais curtas e retas. Com os homens na guerra, as mulheres assumiram trabalhos tipicamente masculinos e isso afetou também a vestimenta: calças, macacões, blusões de aviador e tailleur passaram a afazer parte do guarda-roupa feminino.

Além de ser representação social, moda é arte. O estilista, a costureira, o alfaiate se expressam ao produzirem uma roupa.

Logo, moda é comunicação; comunicação não verbal. O que você veste diz algo sobre você. Um jeans e uma camiseta branca passam uma informação.

Outro fator é decisivo para destacar a importância da moda, é sua relevância econômica. Muito além das passarelas, a indústria da moda emprega diversos profissionais e movimenta outras áreas da economia. Em 2016, o mercado mundial da moda movimentou U$ 2,4 trilhões.

No Brasil, para 2017, a perspectiva é de que o faturamento do setor têxtil e de confecção seja de R$ 135 bilhões (US$ 40,2 bilhões), o que significa um aumento de 4,6% em relação a 2016, segundo a Abit – Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção.

Atualmente, o segmento totaliza mais de 365 mil empresas de varejo e é detentor de mais de 679 mil postos de trabalho, movimentando quase R$ 10 bilhões em salários. O aumento nas vendas nos últimos 10 anos, fez com que o Brasil saltasse da sétima para a quinta posição no ranking dos maiores consumidores mundiais de roupas.

Ao fim, podemos afirmar definitivamente que futilidade não cabe nesse cenário, uma vez que, para entender de moda, é preciso no mínimo, conhecimentos de Cultura, Arte, Psicologia, História e claro, Economia.

Pra encerrar, uma cena marcante do filme O Diabo Veste Prada, resume a relevância da moda.

Miranda, editora chefe de uma importante revista de moda está escolhendo os acessórios para um ensaio fotográfico. Uma assistente mostra dois cintos aparentemente parecidos para ela escolher, e diz  que os dois são muito diferentes. Neste momento, Andréa dá uma risada.
Miranda – Algo engraçado?

Andréa – Não, nada. É que para mim estes dois cintos são iguais. Eu ainda estou aprendendo sobre essas coisas.

Miranda – Essas… coisas? Ah, ok, entendi. Você acha que isso não tem nada a ver com você. Você vai até o seu guarda-roupa e escolhe esse sweater azul folgado para dizer ao mundo que se leva muito a sério pra se importar com o que veste. O que você não sabe é que esse sweater não é apenas azul. Nem turquesa, nem lápis-lazúli. Na verdade, é cerúleo. E você também não tem a menor noção de que, em 2002, Oscar de la Renta fez vestidos cerúleos e Yves Saint Laurent fez jaquetas militares cerúleas. E o cerúleo logo foi visto em oito coleções diferentes. E acabou nas grandes lojas de departamento e, um tempo depois, em alguma lojinha de esquina onde você, sem dúvida, o comprou em uma liquidação. No entanto, esse azul representa milhões de dólares e incontáveis empregos. E é até meio cômico que você ache que sua escolha a isente da indústria da moda quando, de fato, você usa um sweater que foi selecionado pelas pessoas nesta sala”.

Joana Araújo é bacharel em Secretariado Executivo e Jornalismo, com formação em Jornalista de Moda e Consultoria de Imagem. Herdou interesse pelo mundo fashion da mãe, que é costureira e resolveu aliar as duas paixões: jornalismo de moda.

10 . Abril . 2017

Na segunda etapa do nosso projeto #15Anos, você já tem que ter em mente se vai querer a viagem ou a festa, se ainda não escolheu, corre no nosso primeiro post que a gente te ajuda a descobrir. Mas, se você já sabe qual você vai querer, independente do que você escolheu, nós vamos te ajudar a dar os primeiros passos para tornar o sonho em realidade.

Se você escolheu a…

  • Festa

Muita gente fala que a primeira coisa que você deve saber antes de sair por aí olhando os detalhes é o quanto você pretende gastar, mas eu não acho. Às vezes os pais não sabem muito bem os preços de uma festa e é bom que você e eles tenham alguns orçamentos de itens que são indispensáveis para esse dia. Tendo uma ideia dos preços, que vária de cidade para cidade, vocês podem sentar e discutir um valor que vão poder gastar no evento.

É bom lembrar que você consegue fazer uma festa de 15 anos de R$ 100 mil, como também com R$ 5 mil, então não surte ao saber sobre os números, no final tudo dá certo. Ao saber o preço, comece a pensar em algo que se encaixe, se não for um valor muito alto, tente pensar em algo mais intimista (que, inclusive, está super em alta) e salões que já fornecem coisas a mais como som, buffet e decoração, isso pode acabar saindo mais em conta do que contratar cada serviço individualmente.

É bom também que você faça uma lista do que não pode faltar na sua festa e o que você quer que tenha, para primeiro você contratar o que realmente é necessário, como comida, vestido e fotos.

Ah, e na hora de fazer os orçamentos, não se esqueça de ver em muitos lugares antes de fechar com alguém, é um absurdo como os preços podem mudar de empresa para empresa. Mas, claro… Tenha cuidado para ver se todos que você estiver indo realmente sejam lugares bons e que outros clientes indicam.

  • Viagem

Sem dúvida o primeiro passo é decidir para onde você vai. A grande maioria escolhe a cidade de Orlando, nos Estados Unidos, onde fica aquela famigerada Disney World. Mas, antes de você sair por aí fazendo a mesma escolha de todo mundo, senta a vai viajar pela internet. Disney é um lugar maravilhoso, mas lá o que você vai fazer é compras e ir em parques de diversão… Tá, é bem legal, mas isso é realmente a sua “praia”?

Se você realmente quer ir para fora do país, você tema opção de intercâmbio para poder ter uma língua extrangeira no currículo, o que ajuda demais no futuro. E se você prefere optar por algo mais simples só pra conhecer, que tal São Francisco, Atlanta, Nashville, Los Angeles (Estados Unidos) ou Cancún, Acapulco, Buenos Aires, Bariloche (México e Argentina) ou Roma, Londres, Amsterdã, Budapeste, Praga, Moscou, Barcelona (Europa).

Há uma infinidade de lugares para você conhecer, que não vão ser focados apenas em compras e parques e que mesmo assim você ainda pode conseguir achar essas duas coisas. Mas, se a Disney é seu sonho, se joga e vai!!!

Se o orçamento está um pouquinho apertado para sair do Brasil, mas você gosta mesmo é de viajar, pode ficar tranquila, ainda há muitos locais legais no Brasil que você provavelmente não conhece. Foz do Iguaçu, Manaus, Gramado, Floripa, Bonito, Balneário Camboriú, Angra dos Reis, Canela são apenas algumas. E olha quem alguns destinos dentro do país, podem sair até mais caro que outros lá de fora. Se os valores ainda forem altos, foque em algo mais próximo e barato, mas em um hotel bem legal. Tem Caldas Novas, Campinas, Ouro Preto, Brasília, Mariana São Roque e Brumadinho. Uma boa dica é usar o site Quanto Custa Viajar pra encontrar a viajem que se adequa ao seu orçamento.

Esse post foi só com as primeiras dicas para você começar os seus prepativos, no próximo (24/04), vocês vão conferir as dicas na hora de escolher cada empresa e coisas diferentes para deixar o evento bem único e com a sua cara. 😉 E se você tem alguma dúvida sobre o tema #15anos, mande pra gente por inbox no Instagram, no Facebook ou no Twitter com a hashtag #15anosColorindoVidas ♥

Posts #15Anos:

Ah, e você já passou dos 15 anos? Conta sua história pra gente! O que você escolheu? Manda um email pra gente contando, quem sabe sua história não aparece aqui 😉 contato@colorindovidas.com

03 . Abril . 2017
  • Com que bolsa eu vou… Para o samba que você me convidou? ♪

Começou com as cases para celulares e chegou até as bolsas, a Moda Fun virou trend na estação passada e promete continuar com tudo em 2017. Além das capinhas e grande influência de artistas consagradas como Katy Perry, esse estilo de acessórios divertidos ganhou o look das brasileiras, principalmente depois da “onda” de patches e pins.

Como a Moda Fun veio também as tendências de sereísmo, quadrinhos, brilho e criaturas fofas como o unicórnio. Tudo que às vezes é mitológico, mas de alguma forma deixa nosso dia-a-dia colorido, mais divertido. São aquelas peças que o seu “eu” da infância iria amar.

As bolsas e acessórios que têm essa pegada podem ser usada de qualquer forma, dependendo do seu estilo. Se você for ousada como uma Katy Perry ou Maria Eugênia da vida, se joga e bota uma produção bem diferentona, colorida e muuuito divertida. Mas, se você é um pouco mais discreta que isso e também gostou da tendência, procure usar em looks mais street ou rocker, com isso você pode dar uma quabrada em um look pesado, mas procure usar poucos tons nas roupas para dar uma harmonizada na composição e não enchê-la de detalhes.

Claro que você também pode apostar em looks bem delicados e fofos com tons neutros e jogar a bolsa como destaque da produção, mas tenha em vista que tudo junto pode ficar um pouco feminina demais, não que seja ruim, mas a proposta aqui é deixar uma pegada mais diferentona e não apenas fofinha, se é que me entendem.

Então, separei uma listinha de 10 bolsas diferentonas e estilosas que vocês vão adorar ter no armário. Separei apenas algumas, mas nesses sites (que estão no meu top5 confiáveis da internet) você encontra muitas outras.

1.  Bolsa Tiracolo FiveBlu com bandana

2. Bolsa sacola Santa Lolla com abacaxi

3. Bolsa de couro Jorge Bischoff preta

4. Bolsa tiracolo Petite Jolie mini dourada

5. Bolsa tiracolo Petite Jolie com patches de frutas

6. Bolsa Fluffy rosa

7. Bolsa holográfica de sereia

8. Bolsa de diamante

9. Bolsa fedra bege com rosa

10. Bolsa fedra com olhinhos azuis

28 . Março . 2017

Com os 15 anos chegando sempre vem aquela pergunta na mente: Fazer ou não uma festa? E pra ajudar vocês nesse ano tão marcante na vida de qualquer pessoa, nós vamos fazer, de 15 em 15 dias, posts sobre a tão sonhada comemoração, seja ela como uma festa simples, grande ou uma viagem.

Para começar, nós precisamos ajudá-los a fazer a escolha principal: Festa ou viagem? A verdade é que não há resposta certa, você vai se divertir muito em ambos e é bem provável que após a sua decisão final, você ainda fique imaginando como seria se tivesse escolhido diferente. Mas, o principal a saber é o que mais combina com você.

A festa

Começando pelo mais tradicional, a festa é perfeita para quem não abre mão ter a presença de pessoas especiais em momentos tão importantes da vida. Você precisa ter em mente, que na viagem é provável que você não consiga levar todo mundo que você ama. A festa é sem dúvidas uma celebração da sua vida e das pessoas especiais que esteve com você nesses 15 anos. Sem mencionar que, será um momento em que a atenção será voltada para você e todo o evento terá a sua cara.

Se a idade é realmente algo que você acha que deva ser celebrado, uma data de extrema importância, faça a festa! Você terá outros momentos para viajar.

A viagem

Explorar novos lugares… Quem não gosta, né?! Conhecer uma nova cultura, novos hábitos ou até mesmo, apenas ver uma paisagem diferente. Se você conseguir fazer um intercâmbio será ainda melhor, pois você também aprenderá muito e levará essa carga para o seu futuro, no currículo (acredite, isso faz diferença). Sem contar que, você não se preocupará com comentários chatos dos convidados, pois simplesmente não haverá festa, então eles não estarão lá com você. E muito pelo contrário, haverá muita curiosidade da parte de todos querendo saber como foi a experiência.

Eu diria que se você é uma pessoa mais aventureira, que gosta mais de ficar na sua, com os poucos, mas próximos, amigos que tem, opte pela viagem! Se você não é muito de sair, de dançar, já mostra que a festa não será tão legal para você quanto a viagem.

Não se esqueça: Ambas escolhas tem os lados bons e ruins. 😉 Foque no que mais combina com sua personalidade. Haverá outras oportunidades para fazer festa e viagem.

Mas calma. Já escolheu? Se você já decidiu, podemos passar para próxima etapa, que vocês vão conferir aqui no blog no dia 10 de abril. E não se desespere quanto a tipo de viagem, festa ou grana, nós vamos ajudar aos poucos. E se você tem alguma dúvida sobre o tema #15anos, mande pra gente por inbox no Instagram, no Facebook ou no Twitter com a hashtag #15anosColorindoVidas ♥

Posts #15Anos:

Ah, e você já passou dos 15 anos? Conta sua história pra gente! O que você escolheu? Manda um email pra gente contando, quem sabe sua história não aparece aqui 😉 contato@colorindovidas.com

15 . Março . 2017

Apesar de muita chuva e frio, a cidade da luz estava respirando moda por todos os cantos no início do mês de março. Influenciadores e estilistas se reuniram em Paris durante oito dias para participar da aclamada Semana de Moda. Os looks escolhidos por cada participante do evento já nos dá uma boa ideia das tendências que vão chegar bombando para o Outono/Inverno aqui do Brasil.

É normal vermos bastante diversidade nas escolhas de moda de quem assiste os desfiles, mas é imprecendível dizer que essa Semana de Moda foi realmente um mix de tendências. A única semelhança era a bota de cano curto, que estava presente no pé da maioria.

Pelos

Pêlos no vestido, na manga, barra da saia, sapato, em todo lugar. A febre começou com os sapatos da Rihanna em parceria com a Puma e agora, foram para as passarelas. Uma das marcas que apostou nesse tipo de “tecido” na maioria das produções foi a Miu Miu, que também investiu bastante nos materiais de plástico. Não há o que discutir, com certeza será uma das coisas que você vai comprar com a chegada do inverno no Brasil.

Plástico

Já que começamos a falar da Miu Miu, não podemos deixar de falar das peças de plástico, que já deram o que falar aqui no Brasil. As versões holográficas são com certeza as mais pedidas do momento no país, mas a tendência lá fora, ainda permanece com o plástico transparente na grande maioria.

Babados e Renda

Muitos convidados da Semana de Moda estavam apostando em looks mais delicados, com renda, babados e tecidos leves. A tendência me lembrou bastante os vestidos “estilo camisola” e sutiãs por cima da blusa, que estão sendo usados na gringa, tudo em uma linha sexy e girlie. Eu, sinceramente, não sei se isso vai realmente continuar aqui durante o outono, mas até o momento, não estou muito disposta a apostar nas minhas produções.

Metalizados e Glitter

Tá, não vimos a combinação em todos as produções, mas “vira e mexe”, aparecia alguma peça nas passarelas com essa tendência, que chegou em 2016 e promete continuar. Mas, precisei falar sobre isso novamente (falei no post de moda do verão) simplesmente por conta do desfile INTEIRO da Chanel, que foi basicamente isso. Com uma ideia bem futurística, Karl Lagerfeld apostou em peças com muuuuito brilho metalizado, na bolsa, nos sapatos, nas meias, em tudo.

Sapatos

Chegou um momento em que eu estava separando os looks do post e tentava fazer o possível para não pegar uma produção com bota de cano curto, mas foi quase impossível. Nas passarelas até era possível encontrar algumas modelos de sandálias, mas a maioria usava botas, assim como as blogueiras e artistas, que quando não estavam com as boots, usavam tênis, fazendo a linha street style.

Nos momentos em que ainda conseguiamos ver sandálias, uma grande parte era com pelinhos sintéticos e meias, sim, meias. Você que gosta de dormir com elas, pode ficar feliz, pois vai poder sair também. A tendência é apostar em meias com o sapato e isso voltou ao mundo fashion com ninguém mais, ninguém menos, que Kyllie Jenner. A jovem foi flagrada recentemente saindo diversas vezes dessa maneira e pelo visto, todos aprovaram.

10 . Janeiro . 2017

Janeiro chegou e com ele as férias. Não, peraí… Com ele o verão. A estação marcada por muito sol e calor, já está chegando e vem trazendo várias novidades ao mundo da moda, muitas delas, que provavelmente não faltará no seu guarda-roupa daqui alguns meses.

No final de outubro, nos dias 23 a 28, aconteceu a 42° edição da São Paulo Fashion Week, que é um dos lugares que mais nos apresenta as tendências que vão vir com tudo nas próximas estações. Muito do que aparece nas passarelas não é o que realmente nós veremos nas ruas, mas já da pra der uma ideias das peças chaves e cores que vão bombar no verão.

  • Metalizados

Os itens metalizados ganharam um espaço no guarda-roupa de algumas brasileiras em 2016, mas pelo que se pode ver, não apenas nas passarelas, mas nos próprios looks nossos de cada dia, a tendência é que esse brilho ganhe ainda mais espaço nas prateleiras das lojas no verão. Um pouco ousado, o metal pode ser o brilho que faltava para dar um up naquela produção mais simples durante a noite. Vale lembrar que, na hora de compor o look você deve tomar cuidado, não vá colocar mais de um item dourado ou prata de uma vez.

  • Moda “Fun”

“We are cool for the summer”, já dizia Demi Lovato que estariamos divertidos no verão. A moda “Fun”, trará itens diferentes e ousados para a estação, como bolsas em formatos atípicos e roupas com desenhos fofos – alô, alô, personagens da Disney e itens de mermaid. As peças ficam perfeitas para aquelas produções street e rocker, pois dá uma quebrada e harmoniza a composição. Looks clássicos e clean também combinam, mas você deve apostar em peças mais neutras e delicadas.

  • Pins

Nessa onde Fun, os famosos patches e bordados, que tem conquistado o coração das brasileiras, vai continuar em alta no verão. Além de deixar o look mais moderno e divertido, que é a cara da estação, vale a pena apostar nesse tendência, pois os materiais são baratos e muito fáceis de encontrar. Ah, quem já use os aplicativos de feltro até em bolsas e tênis, mas eles ainda são aplicados, na maioria das vezes, em peças jeans… O que nos leva ao próximo item da nossa lista.

  • Body

Sim, aquela peça que parece um maiô pode voltar com tudo para o seu guarda-roupa. E nada melhor que no verão para isso acontecer, não é mesmo?! Apesar de ser uma peça nada prática, o resultado é arrasador. Se você gosta de blusas mais coladas, você vai se encantar com os bodys.

  • Choker

Sabe aquelas fitinhas de couro preta que você adorava usar quando era mais nova? Pois é, elas voltaram. Já há algum tempo as blogueiras tem apostado nesse acessório para os looks. A gargantilha é bem delicada e pode ou não ter um pingente na ponta, algumas são maiores e chegam a dar até três voltas no pescoço. Assim como a moda “fun”, esse pequeno e importante detalhes é super fácil de achar, de fazer e promete “envolver” o pescoço das brasileiras não só nessa estação, como no inverno de 2017 também.

  • Lady Like

O estilo Lady Like está sendo um sucesso na primavera e promete continuar sendo no verão. Peças acinturadas, com laços, estampas florais, babados, peplums e tons pasteis, estão em alta, trazendo aquele bom e velho “ar” vintage, que nós tanto amamos. Sem falar na famosa saia mid, que era um dos itens mais usados pela personagem Carrie Bradshaw, interpretada por Sarah Jessica Parker em Sex an The City, e já está dando o que falar nas passarelas como uma das últimas tendências.

O mais legal de cada um desses itens é que você pode mistura-los e usar uma, duas e até três tendências de uma vez, como por exemplo, usar um maiô da moda “fun”, que já está bombando lá nos Estados Unidos. O importante mesmo é usar o que você gosta e te deixe confortável, que sabe alguns dos itens não se encaixa no seu estilo.

01 . setembro . 2016

Te desafio a sair pra algum lugar e não ver pelo menos uma pessoa usando alguma peça de roupa listrada. Ok, listras são bem comuns, mas veio com tudo nesse outono inverno. Alguns anos atrás vimos a “febre” das calças listradas, neste ano estamos vendo a estampa nos croppeds e blusas compridas (que inclusive é outro item que está virando item essencial no guarda-roupa das brasileiras).

  • Vestido “zebrinha”

seinspirelistras1

Não da pra conter nos dedos o número de pessoas que eu vejo usando vestidos ou blusas longas listradas quando vou ao shopping, sério. Mas calma, não é porque é listrado que não dê pra ousar na produção. Nem sempre é legal jogar outras estampas por cima, mas se você achar algo com estampa grande e de poucas cores, como a Nah Cardoso fez na segunda foto, você consegue criar uma harmonia no look.

Mas pra não errar, o legal é você apostar na peça com “acessórios”, um maxi colar, assim como uma bota, são uma boa pedida se você for pra algum evento mais chique. Mas se você quer algo mais básico para sair, use e abuse do tênis (alô, alô, tênis branco) ou uma botinha, e aposte em uma jaquetinha ou um chapéu.

  • Manhê, quero uma “brusinha” listrada

seinspirelistras2

Quem não tem sequer uma blusinha com listras que atire a primeira pedra. A blusa listrada é bem mais tranquila, não tem como errar. Nas quatro inspirações que trouxe pra vocês, duas são com saias e duas com calças, mas o que achei mais interessante nelas é que da pra ver como o look pode ser mais delicado ou mais dia-a-dia independente se você escolheu uma saia ou calça.

Se você quer um look mais dia-a-dia tente apostar em peças mais simples e confortáveis e se quiser algo mais produzido opte por peças e acessórios mais chiques, como sapato de salto, calça de couro, relógio.

E apesar de três inspirações nas imagens terem apenas cores neutras, você pode sim abusar das outras cores do arco-íris, se jogue, mas vai com cuidado porque estou falando de cores e não estampas!

  • Voltamos para 2013?!

seinspirelistras3

Em 2013 vimos as vitrines se encherem de calças e shorts com listras black&with, mas não é porque já passou que você não consiga fazer uma produção legal com a peça. Então pega sua calça/short listrada lá no fundo do guarda-roupa e vem se inspirar.

Uma boa aposta com calças B&W são blusas com escritas, que deixam o look mais divertido do que colocar uma blusa só de uma cor né?! Se você preferir apostar em uma blusa com estampas, como eu já disse, tenha muito cuidado na hora da escolha. E como eu também já disse, se quer algo mais produzido, aposte em um blazer, uma bolsa, um salto, colares, fica lindo!

Se você vai para algum evento mais chique, como uma festa de 15 anos, opte por peças finas e apenas com uma cor, pois o short/calça B&W pode ser o destaque do look, como você pode se inspirar pela segunda foto.

Ps.: Já fiz um #LookNossodeCadaDia com short listrado, quer ver? Clique aqui.

Cara-Delevingne-GIF2

Eai, gostaram das dicas? Vocês têm quais e quantas peças B&W no guarda-roupa? Deixa aqui nos comentários pra gente, vamos adorar saber! E quer ajuda para se inspirar com outras peças ou estampas? Manda pra gente sua sugestão, quem sabe não falamos sobre, no próximo #SeInspire 😉